materia do Adote um focinho carente no guia do Tremembé

olá amigos....

bom...em primeiro lugar eu estou super emocionada...nao somente por essa materia....mas pelo fato de que este projeto tem um pé... pequenino....

e se nao fosse pelo esforço de muita gente que acredita, isso nao estaria acontecendo.


quase ninguem me conhece, mas quando eu tinha 5 anos, minha mae fez algo heroico pra mim...resgatou um gato que meu irmao e eu achamos num terreno baldio ao lado de casa...aquilo pra mim foi um gesto grandioso....nem sei explicar o que eu senti de emoçao e orgulho vendo minha mae fazendo aquilo


desde entao, eu vinha resgatando aqui, e ali, logico que naquela epoca, e pela minha idade, nao tinha o conhecimento sobre castraçao, proteçao de casas, etc....doava sem castrar para pessoas conhecidas....


um dia vi uma cena grotesca de crueldade animal...aquilo tirou todo o colorido do meu mundo....como podia acontecer aquilo? como? como? como?...fiquei indignada...chorei horrores.


Daquele dia em diante eu disse que faria a diferença...sei que estou muito longe de fazer alguma diferença no mundo, mas eu disse que faria a diferença para os animais que estao ao meu alcance...

mas como eu poderia ajudar esses animais se a ideia de ver um animal atropelado me dava angustia?


fui atras de videos, fotos, materias, tudo...sobre crueldade... baixei todos.......TODOS....T-O-D-O-S os videos que mostravam crueldade com animais....matança de foca, abatedouros, china, zoonoses, peles, touradas, baleias, circos, rinhas de pit bul, rinhas de galo, sacrificio com animais em rituais religiosos, vivisecaçao, sadismo de pessoas que matam animais pelo prazer, tudo o que vcs podem e nao podem sequer imaginar....


pensei comigo mesma, eu vou chorar uma unica vez.

Assisti tudo num unico dia...chorei horrores....vcs nao podem sequer imaginar, passei sei la quanto tempo chorando....eu nao dormia,....aquele sangue todo escorrendo, aquele olhar de tristeza, aquela dor, o grito de dor...gente...os gritos e os olhares me matavam aos poucos....naquele dia uma parte de mim morreu lentamente e dolorosamente....



mas eu criei uma barreira pra mim mesma...para poder fazer a diferença....nao que hj essas coisas nao me abalem....eu fico triste, revoltada, mas consigo sobreviver justamente pra poder lutar contra....



fazia alguns poucos anos que esse projeto estava engavetado....



um belo dia eu criei a coragem de montar um blog. Gente, sou nula nessa parte, eu so sei postar mensagem e olhe la!!!...risos

e outro belo dia uma grande amiga (lucia fontes) ofereceu sua ajuda para estrutura-lo....depois ela ofereceu pra criar o logo...depois veio uma coisa aqui, outra coisa ali.... ate as fotos das rifas e dos produtos ela tira, porque eu nunca tiro fotos boas....risos


depois veio um braço da minha parceira hoje de projeto, a andrea (que arregaça as mangas e faz a coisa acontecer)....depois veio ajuda financeira (de mami, of course!!!!) depois veio ajuda de um com as rifas, ajuda de outros com a camiseta....



sei que eu nao posso cantar vitoria ainda, sei que tenho um longo caminho, sei que essa batalha é ardua, pesada, e minuscula....porem sei que o projeto "ADOTE UM FOCINHO CARENTE" tem pes......pequeninos...com dedinhos!!!!....



e eu agradeço muito, com lagrimas nos olhos escrevendo essa pequena postagem, com a lola (nova resgatada) dormindo calmamente nos meus pés aqui no escritorio....agradeço a Deus, a sao francisco que sempre me apronta!!!! , aos meus pais que sempre me apoiaram (mesmo que meu pai de vez em quando implicava porque eu sempre chegava com alguma coisa "miante" em casa....ele tambem nunca disse "nao, vc nao pode deixar esses gatos aqui em casa!!!!!" - ele tb tem coraçao de pudim!!! e minha mae que sempre colocou um pano em cima desses resgates com meu pai - (pronto, agora ele descobriu a verdade!!!) - Love you both a lot!!!!!!! meu irmao que sempre aparecia com algum gatinho no colo pra cuidarmos, e agora minha cunhada favorita que me acha uma doida mas tb me apoia e me ajudou na desmontagem do bazar!!! minha familia, meus amigos que tb me acham maluca...risos, mas respeitam..., minha veterinaria/amiga, ou seria amiga/veterinaria?? - camila marsola que faz as minhas consultas as vezes por telefone!!!, minha parceira andrea (que é outra maluca pior que eu!!) meus gatos, meus cachorros, meus amigos blogueiros, amigos, amigos e amigos que eu nao vou citar todos os nomes aqui pra nao correr o risco de esquecer nenhum...e tanta gente que eu sequer conheço mas que confia no meu trabalho....

jamais esquecerei do meu gatinho Pepi, que me ensinou o verdadeiro e real significado do amor incondicional. foi com ele que eu aprendi o que era amar sem esperar nada em troca. foi com ele que aprendi o que é companheirismo, o que é compaixao, o que uma troca de olhares quer dizer.
"Pe, vc sempre vai ser meu gatinho favorito" e ao meu pretinho que eu aprendi o que é resignaçao. como é enxergar atraves de um gatinho. a força e a luta dele contra o cancer. "Peto, vc tb mora no meu coraçao e a saudade ainda é grande!"


muito obrigada


vejam ....



http://www.guiadotremembe.com.br/portal/?pg=noticia&id=7595



bjs

Flavia Ricco

5 comentários :

Veronica Gregório publicou o comentário número:

Linda postagem Flávia. É emocionante, inspirada e de coração. Sua ajuda é sim muito importante para esses animais.Suas atitudes e resgates são muito significativos em um mundo que não valoriza os animais. Tenho apenas 13 anos e ajudo em alguns projetos da minha região. Mas o seu trabalho é tão inspirador que ajuda a pessoas como eu, que estão começando a ajudar os animais de uma forma que nem se pode imaginar. Parabéns Flávia!

Michelle Moreira publicou o comentário número:

Olá querida, não é sempre que lhe visito..mas vi a notícia e queria lhe parabenizar.
Muitas felicidades, vc merece.
por falar nisso, deu certo o cãozinho para doação que uma amiga, de uma amiga ia adotar?

Espero que sim.
beijos
Michelle Moreira

Maira publicou o comentário número:

Vc é especial, e faz muita diferença no mundo sim!... no mundo de todos que te conhecem!
bjs.

lucia fontes publicou o comentário número:

Flá... nem sei o que dizer... Você acabou comigo quando descreveu o que fez para tentar se livrar da angústia de ver um animal em sofrimento. Não tenho essa coragem, não consigo assistir, ler ou ouvir nada que se relacione com crueldade para com os animais. Não ignoro; sei que ela existe e a maldade humana atinge patamares incompreensíveis, inclusive em nome da ciência. Apenas escolho o lado do bem, escolho ajudar da maneira que posso e fazer aquilo que está ao meu alcance. Escolho acreditar em Deus e em pessoas como você, que me ensinam muito todos os dias! Há amigos lá em cima que te acompanham e te garanto que para eles você também faz a diferença. Nossos grandes amigos peludos agradecem. Tenha em sua mente o olhar carinhoso dos tantos focinhos que você ajudou. E que seu caminho seja infinitamente iluminado.

Muito obrigada!

Beijo,
Lu!

Dani publicou o comentário número:

Fá, vc é uma luz que clareia muita treva aqui na terra, não é só um prazer te conhecer viu, é uma honra.

ti lovi iu

bjoks



Topo