3 alimentos que você possivelmente não comeria se soubesse como são feitos


Publicado em 19 de janeiro de 2012 em Notícias



1. Gelatina
Se existe um produto considerado “inofensivo”, esse produto é a gelatina. É um alimento livre de colesterol, sem conservantes nem aditivos, que os médicos recomendam para prevenir a osteoporose e a artrose, entre outros benefícios. No entanto, sob seu aspecto inocente e tremelicante oculta-se um monstro. A gelatina é formada por 90% de proteínas obtidas do colágeno. Qual é a matéria prima do colágeno? Recortes de couro do gado sem curtir e partes frescas da cabeça e ossos, cujas gorduras são retiradas, que trituram antes de completar 24 horas do sacrifício do animal, para serem transformados em osseína. Depois de lavá-los várias vezes com ácido, o couro e a osseína são expostos a uma solução de cal, entre 5 e 10 semanas. A substância extraída é depois esterilizada a 145 graus e rapidamente esfriada para solidificar. Daí, pode ir direto para sua cozinha.

2. Chouriço
Também conhecida como morcilha ou morcela dependendo da região do país, é um embutido feito com sangue de porco coagulado. Primeiro, lavam-se as tripas do porco com sabão e limão repetidas vezes, até deixá-las sem cheiro. O recheio é preparado colocando-se em um panela o sangue fresco do animal condimentado com alho, cebola, açúcar, sal e orégano. Depois de fervido, dá se um nó na extremidade da tripa que é recheada com os ingredientes citados anteriormente com um funil. Outro nó na tripa e ferve-se novamente durante trinta minutos. Se ao mastigar notarmos algo duro na boca, como uma cartilagem, é porque em muitos casos acrescentam triturados de cabeça e miúdos na panela.

3. Patê (de origem animal)
Tem muita gente que não vive sem ele apesar de nem imaginar de como é feito. O patê é elaborado com o descarte de vísceras e de carne de diferentes animais, como vacas, porcos e patos. Para conseguir a textura, o sabor e a consistência que conhecemos, agregam farinhas, temperos, leite, conservantes e outros vários aditivos. Ainda que em geral predomina o sabor de fígado, não é o ingrediente que mais abunda na mistura.



Fonte: EuViAli.com

6 comentários :

Ana Paula Lima publicou o comentário número:

UUUUFA não gosto de nada disso HAHAHA.


Estou seguindo o blog ;*

Beijinhos,

http://resenhaeoutrascoisas.blogspot.com.br

Juliana publicou o comentário número:

Já tinha ouvido falar da gelatina , chouriço é um negócio que já dispenso de qualquer forma ahahahaha , patê eu adoro kkk.
Dizem que se vc ver fazendo salsicha não come nunca mais tb rsrs
Beijos!

Unhas Clássicas e Modernas

Nanda publicou o comentário número:

Eu não sabia dessa da gelatina!
Bom saber!

Bjs...

http://nandaaflordapele.blogspot.com.br/

Pâmela Lepletier publicou o comentário número:

Odeio chouriço e patê, nunca comi, mas o cheiro me incomoda muito!
Não sabia da gelatina, aii que horror! Como gelatina demais e têm vezes que umas passaram da validade e eu joguei fora, que dó.
É uma pena, por isso não curto ler sobre como são feitos, me choca..

http://pamlepletier.blogspot.com.br/

Re_becah publicou o comentário número:

já comia eles raramente, agora nunca mais hehe

Muito obrigada por comentar no meu blog!
Sempre que atualizar me deixe um recado no meu blog! Vamos estar sempre em contato?
Me segue nessas redes sociais e me manda uma mensagem por lá que te sigo e todas elas:
Instagram: @re_becah

Canal do YT: youtube.com/blogdareh

Fanpage: facebook.com/blogdareh

Beeeijooos da Reh,

www.blogdareh.com.br



Topo